Mensagens

Tão Grande Dor - Timor

Imagem
Foi com o poema de Sophia de Mello Breyner Andresen que iniciámos a atividade "No Poder da Palavra: a Liberdade".Os alunos organizam um mural para apresentar no dia mundial da poesia através da aplicação online Padlet. Para tal, os alunos estão recolher e compilar poemas sobre Timor de autores portugueses e timorenses. Deixamos aqui o primeiro poema que partilhámos na aplicação.Tão Grande Dor <<Tão grande dor para tão pequeno povo>> palavras de um timorense à RTP Timor fragilíssimo e distante Do povo e da guerrilha Evanescente nas brumas da montanha <<Sândalo flor búfalo montanha Cantos danças ritos E a pureza dos gestos ancestrais>> Em frente ao pasmo atento das crianças Assim contava o poeta Rui Cinatti Sentado no chão Naquela noite em que voltara da viagem Timor Dever que não foi cumprido e que por isso dói Depois vieram notícias desgarradas Raras e confusas Violências mortes crueldade E anos após ano Ia crescendo sempre a atrocidade E dia …

Abrir as portas a Timor Leste

Imagem
No dia 7 de dezembro, “abrimos as portas” a Timor Leste com poesia e música.

Logo pela manhã em todas as portas das salas de aulas, os alunos e professores da escola sede descobriram um pouco de Timor.

Para lembrar o dia 7 de dezembro de 1975, no qual ocorreu a invasão e ocupação indonésia de Timor e que é, para todos os timorenses, o Dia da Memória, os alunos do 9ºA recolheram um conjunto de poemas que foram afixados nas portas das salas. Fizeram ainda, ao longo do dia e em todas as salas, a leitura em voz alta dos poemas aos colegas do 2º e 3º ciclos e a entrega de um marcador de leitura no final de cada sessão. 

No átrio da entrada principal da escola sede, os alunos organizaram uma exposição de biografias de quatro timorenses que tiveram papéis diferentes na luta pela independência de Timor Leste.


Durante todos os intervalos, ouvimos a música “Timor” do grupo Resistência.


Não podemos deixar de evidenciar o empenho e o entusiasmo que os alunos demonstraram ao longo destes dias para…

Amanhã é Dia da Memória

Imagem
Amanhã assinalamos, no âmbito deste projeto, o Dia da Memória.  
No dia 7 de dezembro assinala-se o dia de Timor Leste. Nesta data, em 1975, ocorreu a invasão e ocupação indonésia de Timor. 
Após a independência, este dia tornou-se o Dia da Memória, momento para recordar todos os que resistiram e lutaram contra a ocupação da Indonésia e pela libertação do povo timorense.
Para lembrar este dia, partilhamos com todos alguns poemas de Xanana Gusmão, que escreveu durante o período que esteve preso, bem como as biografias de três homens que tiveram papéis diferentes na luta pela independência de Timor Leste. 

Imagem
Museu Oriente -Exposição “A presença dos portugueses na Ásia e em Timor Leste”

No dia 14 de junho realizámos a visita de estudo à Fundação Oriente Museu, uma das nossas parceiras neste projeto. 






No dia da visita fomos recebidos pelo guia/monitor do Museu, que nos fez uma abordagem muito elucidativa da presença portuguesa na Ásia através dos objetos expostos bem como da cultura timorense.
Os alunos avaliaram a visita de forma bastante positiva, estiveram sempre muito atentos e participativos dada a facilidade com o monitor captou a sua atenção.

Foram quase duas horas de visita bastante enriquecedoras para todos. Contámos ainda na nossa visita com a colaboração do Dr. Luís Costa (um linguista timorense que se tem dedicado à investigação do Tetun e já publicou várias obras a respeito da língua oficial de Timor-Leste).
Esta visita ao Museu é sempre muito relevante para o projeto pois enquadra os alunos na perspetiva histórica e, através dos objetos expostos, é mais fácil a aproximação a uma cu…

Ainda o dia de hoje... “Por ti Timor”

Imagem
Esta foi a música que a professora Elisabete partilhou e que mostra bem a luta pela independência de  Timor. Um lindo poema, símbolo da Luta e da Resistência mas também cheio de Esperança na procura da Liberdade.


"Por Ti Timor" Caminhando pelo mato desamparado
No coração de um povo massacrado
Numa marcha em busca da vitória
Uma chama sobrevive o fogo apagado Resistir ou morrer é o meu viver
Numa luta desigual eu quero vencer
Não quero que um dia me venham dizer
Que o Timor já não é o meu Timor Combatendo as injustiças do opressor
Todos lutam desde a mais tenra idade
Sabendo que o Senhor está ao meu favor
A minha morte é mais um passo para liberdade Resistir ou morrer é o meu viver
Numa luta desigual eu quero vencer
Não quero que um dia me venham dizer
Que o Timor já não é o meu Timor Por mais corpos que eu vejo pelo chão
Por mais forte que seja o invasor
Os meus gritos jamais se calarão
Até a morte lutarei por ti Timor
.

Timor Leste, na primeira pessoa (1)

Imagem
Hoje foi um dia de descobertas.
Conhecer Timor Leste e a sua história mais recente, através dos livros ou das pesquisas na Internet, pode ser um trabalho interessante mas falar com alguém que viveu, sentiu e captou, na primeira pessoa, as imagens, os cheiros, as palavras ou os sentimentos, é verdadeiramente  mais cativante e motivador. Foram essas imagens, palavras e sentimentos que encheram hoje a nossa biblioteca.



A professora de Espanhol Elisabete Conceição do 8ºC esteve em Timor há 15 anos a dar aulas de Português e os alunos prepararam algumas perguntas para realizar uma entrevista à professora.

A professora trouxe imensos objetos da cultura timorense, fotografias e preparou uma apresentação.
Durante essa apresentação ficámos a conhecer a forte ligação que existe entre Portugal e Timor Leste, a ajuda que prestámos na reconstrução deste jovem país, os traços culturais de influência portuguesa e o papel dos professores portugueses na sociedade timorense. E até aprendemos algumas pa…

Os Portugueses chegam a... Timor

Imagem
Foi com esta temática que os alunos do 8ºC iniciaram as atividades deste projeto.
Na disciplina de História, realizaram um jogo - pesquisa.

O objetivo principal foi conhecer os diferentes momentos da presença portuguesa em Timor e da "formação" de Timor Leste através da exploração da exposição que está patente na Biblioteca Escolar bem como dos recursos bibliográficos disponíveis (físicos e digitais).

Disponibilizamos alguns desses recursos na página deste blogue (recursos online).